Triangulo das bermudas

Quem nunca ouviu alguma história de desaparecimento envolvendo o triangulo das bermudas? Alem de famoso, esse assunto é muito polêmico, sendo enredo de vários filmes, livros e etc. Mas o que é o triangulo das bermudas? Não, não tem nada a ver com a bermuda que a sua mãe te deu naquele aniversário de oito anos, mas sim com uma região delimitada por três países:

Se existe alguma coisa sobrenatural que age nesse perímetro, ninguém sabe, mas o fato é que existem inúmeros casos de desaparecimento, alguns inexplicáveis, e outro nem tanto. Quem para pra estudar um pouco mais sobre esse assunto, acaba descobrindo que alguns desses casos misteriosos têm uma solução bem simples, mas para os conspiradores de plantão, há bastante assunto pra se basear e fazer suas teorias.
Hoje, vou mostrar alguns casos famosos que aconteceram dentro do triangulo das bermudas

1- Teignmouth Electron
Esse talvez seja um dos mais “normais” entre os casos. Em 1968, uma corrida de iate ao redor do mundo, prometia dar o que falar aos jornais da época. A Sunday Times Golden Globe Race tinha uma regra bem interessante “A corrida não deve ter paradas”. Ou seja, depois da largada, o competidor deveria tentar cruzar a linha de chegada sem parar em nenhum porto, caso contrario, deveria ser desclassificado. Em outubro 1968, Donald Crowhurst saiu da Inglaterra, e partiu atrás da vitória, porem, nunca cruzou a linha de chegada. Seu barco, o “Teignmouth Electron”, foi encontrado abandonado no meio do triangulo das bermudas em julho de 1969.
Após uma verificação dos diários de bordo de Crowhurst, se descobriu que o mesmo estava enganando os organizadores do evento, mentindo sobre suas posições, e também foi constatado que ele teria começado a apresentar sinais de doenças mentais. A hipótese mais plausível, é que Crowhurst tenha se jogado do iate, e se afogado.

2- Star Ariel
Este foi o primeiro desaparecimento de uma aeronave no triangulo das bermudas registrado. Uma aeronave Tudor 4 as Bermudas em 17 de janeiro de 1949 com 7 tripulantes e 13 passageiros, com destino a Jamaica, mas nunca mais foi visto!
O capitão J. C. McPhee relatou no dia do acidente, que estaria não tendo problemas com avião, porem, mais tarde, um novo contato desesperado do capitão relatava problemas na comunicação, e que mudaria a freqüência da aeronave. Depois disso, nunca mais se teve noticias do Star Ariel.
Mais de 60 aeronaves e 13 mil homens saíram em busca da aeronave, mas não encontraram um destroço sequer. Após esse acidente, as Tudor 4 pararam de ser fabricadas.

3- Star Tiger
Mais uma aeronave desaparecida (Criatividade não era o forte dos capitães desaparecidos no triângulo das bermudas). O capitão B. W. McMillan tinha a missão de chegar nas Bermudas levando consigo 31 pessoas a bordo, saindo da Inglaterra. A previsão de chegada era às 5h do dia 30 de janeiro de 1948, e, pra variar, o avião nunca mais foi visto. Buscas foram organizadas, e mais tarde, descobriu-se que S.S. Troubadour havia visto uma aeronave voando baixo em direção da Baía de Delaware. Se essa aeronave fosse mesmo o Star Tiger, ele estaria totalmente fora do rumo! Até hoje, também não se sabe nada sobre a aeronave, e nenhum destroço foi encontrado durante todos esse anos.

4- USS Cyclops
O primeiro caso de desaparecimento que envolve o Brasil! O USS Cyclops era um navio da marinha americana que, 1918 teve a missão de vir ao Brasil abastecer os navio aliados. Com 309 pessoas a bordo, o navio deixou o Rio de Janeiro em fevereiro e alcançou Barbados em março, sendo que, depois disso, nunca mais foi visto novamente!
Conspiracionistas diziam que um submarino alemão havia afundado o navio (já que a primeira guerra mundial havia estourado de vez), E os EUA fizeram todo o possível para tentar descobrir o que havia acontecido ao USS Cyclops. Até hoje se afirma que esse é um dos casos de desaparecimento mais desconcertantes do anais da marinha americana.
Mais tarde, foi comprovado que não havia nenhum submarino inimigo na rota do Cyclops, e que os alemães sequer sabiam da manobra re reabastecimento do navio.

5- Vôo 201
Esse é bem sucinto, em 31 de março de 1984 o vôo 201 deixou Fort Lauderdale, partindo em direção as ilhas Bimini, nas Bahamas, porem nunca chegou lá. Segundo os controladores do vôo, no meio do caminho o avião diminuiu drasticamente a velocidade, não informando se estava tendo algum tipo de problema, e minutos depois caiu no mar, desaparecendo completamente. Uma mulher nas ilhas Bimini jura que viu o avião cair a mais ou menos 1 milha de distância da ilha, mas (pra variar) nenhum destroço jamais foi encontrado!

6- Vôo 19
Mais um que saiu de Fort Lauderdale, na Flórida. Em 5 de dezembro de 1945, cinco bombardeiros Avenger comandados pelo tenente Charles Taylor saíram da base com 13 pilotos em treinamento. Cerca uma hora depois, Taylor reportou via rádio que a bússola não estava funcionando, mas que de acordo com seus cálculos, eles deveriam estar sobre Florida Keys. O outro tenente que recebeu a informação de Taylor, pediu para que eles rumasse ao norte, desde que tivessem certeza de estar sobrevoando Keys. Taylor era um excelente piloto, mas mesmo assim, deu meia volta, e quanto mais ele tentava sair de Keys, mais mar adentro ele se colocava. À medida que a noite chegava, o rádio foi ficando mais fraco, até que o contato com o vôo 19 se perdeu de vez. Uma investigação da marinha relatou que a confusão do tenente Taylor causou o acidente, mas a mãe do tenente convenceu-os a alterar o relato, e botar a culpa em “forças desconhecidas”. Os aviões jamais foram encontrados.

Anúncios

Um comentário sobre “Triangulo das bermudas

  1. Olá amigo, vim aqui para deixa o link onde estão todas as obras do Cientista Herbert Alexandre Galdino Pereira da área de Eletromagnetismo Aplicado e Aviónica. Ele é autor da Teoria do Triângulo das Bermudas, que visa explicar o que ocorre com os aviões ao entrarem nessa zona, Teoria dos Celulares e Eletricidade Estática, e Orientação aos Aviadores Brasileiros ao voarem a Serra do Cachimbo, em Mato Grosso, pois existe campo Magnético na área do Brasil (relaciona-se ao vôo 1907 e com o Tráfico Aéreo). Entre outras obras.
    Deixo o Link aqui em baixo para Leitura e Downloads das Obras deles.

    http://www.scribd.com/people/documents/13555060-fuma-a

    Um abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s