Propinocracia e Tangentopoli

Propinocracia  e a Tangentopoli

É de conhecimento público que a Operação Lava Jato não tem apenas se inspirado na Operação Mãos Limpas realizada na Itália mas também a tem copiado em sua metodologia. E copiado mesmo. Coisa de fabrica clandestina chinesa operando num porão de uma casa abandonada no Paraguai. Tangentopoli em italiano quer dizer  Cidade da Propina,  já o MPF inventou a Propinocracia pra dar o mesmo sentido a um “produto diferenciado”.
.
Mas a parte mais Tragicômica dessa novela é o uso da ferramenta da publicidade  no intuito de formatar na cabeça da população  – tanto a italiana quanto a brasileira – de que tal ação judicial é  legal e legitima mesmo que isso afronte os pilares de um Estado Democrático de Direito.
Entretanto, existe uma colossal diferença de atitude entre o que acontece no Brasil e o que aconteceu na Itália nos anos 90:  na operação italiana, o juiz Gherardo Colombo disse em entrevista ao jornal Estadão que jamais acusaram alguém sem provas. E ao ser perguntado pelo jornalista se ele acreditava que um líder político não soubesse da corrupção que existia, o juiz foi categórico.
” Jamais aconteceu de nós processarmos alguém dizendo: ‘ ele não podia não saber’. Existiam fatos. Quando alguém era processado, havia provas”.

ta ai, basta clicar Entrevista com Juiz da Operação Mãos Limpas.
E o que foi que os procuradores do MPF falaram durante o show ilusionista em que acusam o ex presidente Lula? Que não tinham nenhuma prova cabal contra qualquer um dos 14 indícios que eles apresentaram. E mais, durante o ato de publicidade, tal qual a Mãos Limpas, Lula fora chamado de chefe de quadrilha várias vezes. Ora, e porquê ele não está sendo acusado disso?  Ora, vamos alvejar o Lula de tudo que é coisa ruim e ganharemos o apoio da população. Os procuradores italianos procuraram o apoio da população pra cometer abusos PARA investigar e não para acusar.  Essa é a diferença do Original pro Falsificado. E acusar sem provas é um dos crimes mais antigos presente num conjunto de leis. Ao menos isso os europeus não fizeram, ao contrario dos magistrados brasileiros. Aqui os promotores levantam falso testemunho por terem convicções e vão usar a mídia pra criar na sociedade o senso de que se pode condenar sem provas em nome da Lei.
.
O  “Sabe com quem você está falando?” agora é “Sou promotor e tenho convicções”
.
Não tenho como provar que a Lava Jato também vai caçar outros políticos mas tenho convicções de que será apenas pra  lavar o Partido dos Trabalhadores. E é verdade que estes merecem o jato d’agua, mas não todos.
.
MPF, por favor, cobrem mais profissionalidade dos agentes públicos a qual são subordinados. Não é pra apresentar um powerpoint fuleiro sem provas.

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s